Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2014

Desilusões

A verdade é que às vezes criamos expectativas demasiado altas em relação às pessoas. Faz parte da nossa natureza, mesmo que outrora já tenhamos apanhado umas valentes desilusões, mas afinal nunca conhecemos alguém verdadeiramente. Confesso que andei muito entusiasmada com o rapaz, porém comecei a ver que ele não era bem aquilo que se faz parecer e comecei a colocar travão.  A verdade é que não posso estar com alguém que não entende que o que faço não tem horários nem folgas fixas, além de que o mundo é que tem de rodar à volta dele.  Começou-me a cansar ser sempre o "eu, eu e eu". Cansou-me ser eu a sair às tantas do trabalho, adiar trabalho, petiscar e ir ter com sua excelência que sai as 17.30h e o trabalho acabou ali.  Faltaram as atitudes. Todavia, serve para salientar ainda mais a minha certeza de que estou bem sozinha e não há pressa para nada, pois afinal não preciso de ter os meus amigos fisicamente aqui para saber que tenho amigos que estão a uma mensagem/telefonema ou a…
O tempo passa e eu vejo a vida a tornar-me cada vez mais fria.  Se calhar não é frieza, se calhar é uma forma de proteger os meus sentimentos.

Inocência

Seria tão bom recuperar a inocência de uma criança.  Éramos todos mais felizes e seria um mundo bem mais bonito.

Um dia perco a cabeça!

O mais radical é, sem dúvida, o cabelo. Desde que cortei o cabelo estilo Bob (ou algo assim: atrás mais curto do que a frente), digo sempre que o quero deixar crescer, mas depois passa-me uma "corrente de ar cerebral" e corto. Quanto às tatuagens, já tenho duas e diz-se por aí que dá azar ter número par. Obviamente, que elas teriam significado e bem forte!