Avançar para o conteúdo principal

O drama


O drama.
O horror.
O pânico de mudar de casa.
Empacotar, transportar, desempacotar, arrumar e pelo meio limpar.
Em ano e meio, esta é a 4ª muda de casa. Não entendo como é possível juntar em tão pouco tempo coisas e mais coisinhas!




Comentários

  1. Enquanto não se encontra "o canto" definitivo (ou pelo menos que se saiba que vai durar) o melhor mesmo é não comprar nada e ter presente na mente que tudo o que deves possuir deve caber numa mala e é só! :D

    ResponderEliminar
  2. Mudar de casa é sempre sinónimo de tralhas e mias tralhas, coisas que juntamos nem nós sabemos bem como.

    ResponderEliminar
  3. 1 ano e meio e 4 mudanças? Percebo a tua agonia. Boa sorte!

    ResponderEliminar
  4. Faz parte, pensa que é uma boa mudança :)

    ResponderEliminar
  5. odeio mudar de casa -.- mais pelas memórias do que pelo trabalho que se tem. em três anos mudei de casa três vezes e é uma choradeira

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Porque o vosso comentário vale mil sorrisos!

Mensagens populares deste blogue

Novidade Fresquinha e um Bom Fim-de-semana!

E a novidade é que arranjei trabalho. Não o que queria, mas para já é melhor do que estar em casa.  Continua a ser em shopping, porém um pouquinho melhor de onde estava anteriormente. Ao menos tenho um fim-de-semana por mês, onde aquecer o almoço/jantar e sem horários estranhos de duas horas de pausa e mais de 10h enfiada no trabalho.
Agora é continuar a procurar algo ainda melhor e em Setembro regressar aos estudos.
Um bom fim-de-semana!

Desempregada!

E a partir de hoje, estou oficialmente desempregada, sem saber como ocupar o tempo e com receio da rejeição e de se tornar uma situação a longo prazo.
No outro dia, quando fui tomar café com a minha melhor amiga, que está na mesma situação, ela alertou-me que vai haver dias bastantes complicados, em que colocamos tudo em causa, porque recebemos rejeições ou nem sequer somos contactadas para entrevistas.
Antes de ficar desempregada, já andava a ver outras opções e cheguei a ir a entrevistas. Contudo, as respostas foram sempre negativas, só que na altura não dava tanta importância, pois afinal estava empregada, mesmo estando insatisfeita.
Isto é algo completamente novo para mim, nunca estive assim parada sem ter nada em vista e, sinceramente, começo a "panicar" um pouco. E se ponderei cancelar a inscrição do ginásio por abrir, para reduzir custos, decidi ver um mais em conta e que já esteja a funcionar. Ao menos por duas ou mais horas estou fora de casa e exercito os meus joe…

Monday!

Última semana de Janeiro.  Quem diria que o tempo continua a passar tão rápido e que também prova que a vida dá uma volta em tão pouco tempo? A vida é mesmo inesperada e esperemos que esta segunda-feira, esta semana também nos traga surpresas boas. Afinal, nunca se sabe!